logo live news
mix

Barracão Teatro promove debates virtuais gratuitos sobre o diálogo entre teatro e o vídeo

16/03/2021 13:38

Nestes tempos de pandemia, em que a presença de pessoas num mesmo espaço está restrita a atividades essenciais, as artes cênicas, sempre fortalecidas pelo contato direto com o público, têm buscado maneiras de se fazer presente, ainda que de modo virtual. O Barracão Teatro, importante espaço de investigação e criação cênica do País, inicia sua atividade artística virando a bússola para essa nova realidade. De que forma? Conciliando duas linguagens distintas: o teatro e o vídeo.

Contemplado pelo Programa de Ação Cultural do Estado de São Paulo (ProAC), com recursos da Lei Aldir Blanc, o Barracão apresenta o projeto “Do Mascaramento ao MasCameramento”.

O trabalho consiste em seis encontros on-line, gratuitos e abertos ao público em geral, que irá reunir um time de especialistas das artes cênicas, Tiche Vianna, Esio Magalhães, Ana Mê, Fernando Fubá, Kara Ariza e Miguel Magalhães, e das artes visuais, Antonio Karnewale.

O primeiro encontro, que também irá destacar o compartilhamento de saberes e experiências, acontece nesta quarta-feira, 17 de março, às 20h, pelo www.youtube.com/barracaoteatro, com a participação de todos os convidados. Para participar, basta acessar a página no horário da live, se inscrever e curtir o canal.

O diálogo entre duas linguagens artísticas diferentes: o teatro e o audiovisual é o tema de largada do projeto, que irá transcorrer ao longo do ano. “Em nossos trabalhos e pesquisas teatrais temos nos dedicado a transpor a linguagem expressiva de nossas criações para o audiovisual que, sendo a interface de comunicação possível neste momento, nos abre mais um campo de interação entre linguagens distintas: o teatro e o vídeo”, destacam os artistas do Barracão Teatro.

Pesquisa traz novos formatos para o futuro das artes cênicas

Na busca por novos formatos e junções, “nos deparamos com a questão do registro da cena teatral e da dificuldade de dar ao espectador do audiovisual a sensação de sua presença no ato cênico. Como registrar a ação teatral na linguagem audiovisual preservando esta relação sensorial para quem assistirá?”, questionam os artistas.

Para tentar encontrar os resultados do enfrentamento destas questões, o Barracão Teatro tem se aproximado de elementos e técnicas fílmicas que sirvam de suporte às próximas experimentações criativas.

O ponto de partida será a inclusão da câmera como o olhar da máscara que age ou reage à cena que presencia. “Utilizaremos as técnicas de filmagem em primeira pessoa, assim como POV (Point of View), além de outras para criarmos cenas com as máscaras a partir de temas atuais. A proposta é criarmos várias cenas curtas, cujo foco é a investigação técnica da sobreposição das linguagens fílmica e da máscara cênica”, afirma o elenco.

Todos os ensaios terão filmagens com câmeras de celulares dos envolvidos no projeto para a realização dos seis relatórios audiovisuais, chamados aberturas de processos, para o acompanhamento de toda a atividade realizada, nas redes sociais do Barracão Teatro e dos artistas integrantes desta pesquisa.

O resultado da pesquisa terá um único vídeo, contendo os passos da pesquisa e sua conclusão, isto é, uma cena curta em audiovisual, construída com a teatralidade de máscaras inteiras expressivas, sem palavras, filmada e editada com assessoria de especialistas em audiovisual, para ser exibida em plataformas de streaming.

Barracão Teatro

O Barracão Teatro é um espaço de investigação, criação e apresentação cênica, formado em 1998, por Esio Magalhães e Tiche Vianna.

Ao longo dos anos o grupo agregou artistas, que se mantém em parceria, por meio de projetos variados, até hoje. Esta característica permite ao Barracão Teatro manter a maioria de seus espetáculos em repertório com seu elenco original.

A característica fundamental de seus trabalhos é o teatro popular com base na máscara teatral, no palhaço, na commedia dell’arte, na improvisação e no aprofundamento da atuação como veículo de expressão cênica.

Conta atualmente com diversos espetáculos em seu repertório, com os quais circula por muitas regiões do Brasil e cidades do exterior. Realiza também cursos intensivos, sempre em fevereiro, com artistas provenientes de diversas regiões do Brasil e de outros países.

O Barracão Teatro é um grupo nômade. Sua vocação é difundir a arte teatral por diversos e diferentes territórios do país e seu objetivo é compartilhar a experimentação do teatro com o maior número de espectadores possível.