logo live news
Celebs

Saiba porque Bruce Dickinson deixou o Iron Maiden em 1993

03/30/2022 7:06 PM

Bruce Dickinson, vocalista da banda inglesa de heavy metal Iron Maiden, está rodando a América do Norte com seu projeto ‘An Evening With Bruce Dickinson’, no qual ele recita poesias, fala sobre sua autobiografia, intitulada “What Does This Button Do?”, e tem um momento de bate-papo com o público. 

Em uma apresentação recente em Montreal, no Canadá, o músico respondeu ao questionamento de um fã sobre o motivo de ter deixado o Iron Maiden em 1993, depois da inesquecível Fear of the Dark Tour. Ele explicou que, na época, estava tão surpreso quanto os fãs, mas que precisava de uma mudança em sua vida, pois acreditava que se ficasse na banda para sempre, tudo o que aprenderia seria relacionado ao grupo.

Dickinson falou que, para aprender como era estar fora do Maiden, ele precisou sair, e pensava que, mesmo que ninguém levasse a sério sua decisão de se desligar do grupo, achou melhor seguir por esse caminho do que se arrepender no futuro. Depois que o vocalista deixou o Iron Maiden, a banda seguiu com o vocalista Blaze Bayley, com quem lançou dois álbuns de estúdio: o The X Factor, em 1995, e o Virtual XI, em 1998. Porém, em 1999, depois de lançar quatro discos solo, Bruce retornou ao grupo, onde permanece até hoje.