logo live news
music

Cantora Molly Burman apresenta single “Little Love”

08/23/2021 9:57 AM
Foto: Lucy Keevil

Molly Burman, de 20 anos, tem estado em uma verdadeira ascensão nos últimos meses com o lançamento de “Fool Me With Flattery”, “Everytime” e “Debt”, do mês passado, todos conquistando apoio da imprensa, rádio e fãs internacionalmente. Agora ela compartilha o último single do EP, o mais simples das amostras até agora, mas que continua a definir o tom para a escrita de Molly – um dom melódico e inerente, emparelhado com letras honestas e conversacionais, que se conectarão com muitos.
Molly diz sobre os temas por trás da música:

“‘Little Love’ foi escrita sobre alguém que eu estava saindo e que agia de forma exagerada na frente de seus amigos. Nunca fomos sérios ou algo ‘profundo’ e terminamos tudo em bons termos, mas então eu o ouvia exagerando tudo para seus amigos e agindo como se eu fosse louca. Quanto mais coisas eu ouvia sobre mim que não eram verdade, mais frustrada eu ficava e realmente queria limpar meu nome!”

Um clipe filmado em uma câmera VHS acompanha a música, com Molly dizendo o seguinte sobre o processo criativo:
Little Love é bem diferente das outras faixas do meu EP, então achei que um vídeo mais descontraído funcionaria. Minha amiga Alex veio com sua filmadora e passamos o dia inteiro na minha casa, experimentando roupas diferentes e filmando pelo ambiente. É claro que meus gatos também tiveram que aparecer! Alex tem um olho ótimo, nós apenas passeamos e filmamos todas as ideias que surgiram na cabeça, foi uma ótima filmagem!”
Além de seu novo single, Molly também está compartilhando seu EP de estreia, “Fool Me With Flattery”, uma coleção de canções que ela escreveu nos últimos anos e gravou e coproduziu em casa, ao lado de seu pai. Contendo não apenas “Little Love”, mas seus lançamentos de single anteriores, “Fool Me With Flattery”, “Everytime” e “Debt”, o EP está disponível agora na Prolifica Inc.

Nas palavras de Molly: “Cada música explora os temas de ser enganada e desrespeitada. Este EP segue minha jornada desde o desejo de aceitação dos outros até finalmente me aceitar. Sinto que cresci muito com este EP e espero que os outros se identifiquem com essa jornada também.”

Algumas pessoas são atraídas por compor e outras simplesmente nunca souberam fazer nada diferente.
Molly Burman cresceu em uma família inerentemente musical, com ambos os pais músicos: sua mãe irlandesa cantando com Shane MacGowan do The Pogues, e seu pai tocando em bandas ao lado de membros do Bow Wow Wow e Sex Pistols

Molly começou a escrever e gravar músicas prodigiosamente desde o meio da adolescência, auto produzindo seu próprio material e escrevendo letras sempre pessoais, que nunca foram nada menos do que uma visão firme e honesta de sua vida naquele momento.

O EP “Fool Me With Flattery” é uma introdução infalível ao seu som, e apenas os primeiros passos para uma artista com muito mais músicas em breve.
Pandemia permitindo, shows ao vivo virão.