logo live news
Celebs

Hugh Jackman emite declaração sobre as alegações de bullying de Scott Rudin

22/04/2021 15:54

O ator vai estrelar o renascimento de ‘The Music Man’, que Rudin não está mais produzindo.

@ Reprodução/ Instagram

Hugh Jackman, que estrelará o renascimento de “The Music Man” – a ser produzido por Scott Rudin – finalmente falou sobre o infame produtor.

“Quero dizer o quanto respeito e aplaudo as pessoas que falaram sobre sua experiência de trabalho com Scott Rudin”, escreveu Jackman, 52,  em uma declaração em maiúsculas  compartilhada pelo repórter de teatro do New York Times Michael Paulson.

“É preciso muita coragem e força para se levantar e dizer a verdade. Isso deu início a uma conversa que já deveria ter ocorrido há muito tempo, não apenas na Broadway e na indústria do entretenimento, mas em toda a força de trabalho. 

“A voz mais importante que precisávamos ouvir era Scott Rudin, ele agora falou e se afastou de ‘The Music Man’. Espero e rezo para que esta seja uma jornada de cura para todas as vítimas e a comunidade “, continuou a declaração de Jackman.

“No momento, estamos reconstruindo a equipe do ‘Music Man’ e aspiramos criar um ambiente que não seja apenas seguro, mas que garanta que todos sejam vistos, ouvidos e valorizados. Isso é algo que é e sempre foi muito importante para mim,” o vencedor do Tony concluiu.

No início deste mês, o Hollywood Reporter publicou um relatório condenatório sobre Rudin,  detalhando uma miríade de alegações de abuso no local de trabalho,  incluindo quebrar um console de computador na mão de um assistente e atirar uma batata assada em outro.

Dias depois, Rudin  emitiu um comunicado, desculpando-se  por seu suposto comportamento. 

“Muito tem sido escrito sobre minha história de interações problemáticas com colegas, e lamento profundamente a dor que meu comportamento causou aos indivíduos, direta e indiretamente”, disse Rudin, cujas produções para a tela grande incluem a adaptação ganhadora do Oscar de Cormac McCarthy ” No Country for Old Men “e oito dos filmes de Wes Anderson.

“Após um período de reflexão, tomei a decisão de deixar  de participar ativamente  de nossas produções da Broadway, com efeito imediato”, acrescentou. Com Fox News.