logo live news
mix

Livros da artista brasileira Marina Amaral tornam-se best sellers internacionais

30/03/2021 10:58

A artista Marina Amaral faz a diferença com seu trabalho de colorismo digital em renomados projetos históricos, filmes e livros. Seus dois títulos, lançados em parceria com o historiador britânico Dan Jones, estão há meses entre os mais vendidos da Amazon, no Top 3 de “História da Fotografia”.

“The Colour of Time – A New History of the World” ocupa o 1º e o 3º lugar, na versão capa dura e tradicional, respectivamente. Já o mais recente lançamento, “The World Aflame: A New History of War and Revolution: 1914-1945”, ocupa a 2ª posição. Ainda sem versão em português, os livros também são os três mais vendidos no Brasil na categoria “Importados de História da Fotografia”.

“Meus livros já foram traduzidos em mais de 10 línguas, mas ainda não exitem versões em português, o que é uma pena. São livros ilustrados, com mais de 440 páginas, coloridos, então imagino que não sejam baratos de produzir. Mas fico muito triste porque são best-sellers internacionais. Há grande interesse de editoras em toda parte, menos no meu país”, lamenta a artista.

O livro “The Colour of Time – A New History of the World” já é um best-seller no mundo inteiro, tendo sido traduzido para 13 idiomas. Ele reúne 200 dos principais momentos e personalidades da história moderna – de Gettysburg a Hiroshima e de Lincoln a Churchill – com fotografias que foram cuidadosamente coloridas digitalmente por Marina Amaral. As imagens são organizadas em 10 capítulos cronológicos e são acompanhadas de histórias por trás de cada uma delas.

Sua última publicação, “The World Aflame” foi lançada em 2020, mas as ações de divulgação foram interrompidas devido à pandemia mundial de Coronavírus. O livro aborda as duas Grandes Guerras Mundiais e outras conflagrações importantes como as revoluções na Rússia; guerras civis na Irlanda e Espanha; Intervenções americanas na América Latina, guerras coloniais em Moroco, Etiópia e Palestina.

Atualmente, Marina Amaral trabalha em um novo volume em parceria com Dan Jones. Dessa vez, 200 mulheres serão homenageadas por impactarem a história ao longo das décadas. O público poderá conferir diferentes contextos sociais, culturais, domésticos e profissionais que marcaram o mundo entre 1850 e 1960. A previsão de lançamento é de 2022.